sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

por ora, solteiro. oras. bolas

sem susto
e nenhum medo punk
balanço a mão
num desses cruzamentos de são paulo
chamando sua atenção.
ora meu amor
como te encontar se você nem está aqui?
volto para minas.
minas está mais perto de mim.